01

Ampliação Escritório de jardim | 2006

DescriçãoFicha técnica
 
Objetivo
Ampliação de uma habitação unifamiliar atravéz de um volume de escritório a integrar no jardim.
Programa
O cliente pretendia que se desenvolvesse um volume no terreno da habitação destinado a funcionar como dois escritórios e apoio ao jardim. O programa determinava ainda que o edifício tivesse uma pequena copa e instalação sanitária de apoio.
Este volume poderia ser solto, mas deveria estar próximo da habitação.
Critérios de intervenção | Conceito
O volume nasce, por determinação do programa, próximo da habitação e “colado” ao muro existente. Da separação entre estes dois edifícios surge uma pequena zona de estar que estabelece contacto com um dos vários acessos ao escritório. O desenho do volume faz-se atravéz de uma série de inflexões que procuram diferentes relações e contactos com o jardim. Dada a proximidade à casa, achavamos que o volume também deveria ser vivido por fora. Assim, nasce um jogo de planos (entre a laje superior e inferior) que faz com que o volume possa proporcionar zonas de estar/convivio e priviligiar a relação com o jardim. O volume de betão pintado de branco, dispoem de três grandes janelas, uma aberta mas recuada e duas com um sistema de ripado ao alto que lhes proporciona uma iluminação filtrada e mais adaptada a um local de trabalho. O jogo entre o betão duro e a madeira mais suave, reflete a relação entre o construído e a natureza.